Análise Fundamentalista

Gráfico do Índice do dólar americano

O que é e como usar?


Muitos traders usam índices em suas negociações. O mercado de ações oferece uma grande variedade de índices, como o S&P 500, NASDAQ, Dow Jones, etc. Eles fornecem um panorama da situação econômica em um determinado setor ou país.

E o mercado de câmbio estrangeiro? Aqui, o principal assistente é o Índice do dólar americano (Índice básico do dólar, USDX). O dólar americano é a moeda de reserva mundial, o que significa que é amplamente negociado e é do interesse dos traders de todo o mundo. Por exemplo, ele é usado em 80-90% de todas as negociações Forex.

Na plataforma, o Índice do dólar pode ser encontrado na seção FTT, na guia de Índices. Em outras plataformas, você pode encontrar este instrumento nos tickers USDX ou DXY.

Esse é o Gráfico do Índice do dólar americano:

O Índice básico do dólar é uma medida de força da moeda americana. Ele inclui uma cesta de moedas estrangeiras cujo valor é comparado ao valor do dólar dos Estados Unidos. Muitos traders profissionais acompanham suas variações porque geralmente é o fortalecimento ou enfraquecimento do dólar que coloca os mercados em movimento.

 

Como o Índice do dólar é calculado?

Ele é calculado como uma média geométrica ponderada da cesta de moedas. A cesta do índice inclui seis moedas: euro (EUR), iene (JPY), libra esterlina (GBP), dólar canadense (CAD), coroa sueca (SEK) e franco suíço (CHF). A lista corresponde aos países que são os principais parceiros comerciais dos Estados Unidos. Eles têm um impacto econômico diferente na economia dos EUA, portanto, cada moeda recebe uma parcela específica:

  • Euro — 57.6%.
  • Iene — 13.6%.
  • Libra esterlina — 11.9%.
  • Dólar canadense — 9,1%.
  • Coroa sueca — 4,2%.
  • Franco suíço — 3,6%.

A fórmula final para o índice é assim:

USDX = 50,14348112 × EURUSD0,576 × USDJPY0,136 × GBPUSD-0,119 × USDCAD0,091 × USDSEK0,042 × USDCHF0,036

 

Quando e por que o Índice do dólar foi criado?

O JP Morgan o desenvolveu em março de 1973. Se você substituir as taxas de câmbio de março de 1973 na fórmula, obterá precisamente o valor de 100. Acontece que o Índice básico do dólar mostra a variação do dólar americano em relação a uma cesta de moedas em comparação com as cotações de 1973.

Um valor de índice inferior a 100 pontos indica um enfraquecimento do dólar, ao passo que mais de 100 pontos indica um aumento no valor do dólar americano em comparação com 1973.

Nesse ponto, houve uma transição para taxas de câmbio flutuantes. O acordo de Bretton Woods, quando o dólar dos EUA era fortemente atrelado ao valor do ouro (US $ 35 por onça troy), terminou, e o padrão ouro caiu no esquecimento.

Após a adoção do Acordo Smithsoniano, o intervalo de oscilações da moeda aumentou de 1% para 4,5%. Posteriormente, foi implantado o sistema jamaicano, que pressupõe a formação do mercado de taxas de câmbio.

O índice foi revisado mais uma vez em 1999, quando o euro foi introduzido. Assim, foram considerados no cálculo mais 19 países da zona euro e mais nove países que utilizam o euro mas não são membros da zona.

 

Como usar o Índice do dólar na negociação

O Índice básico do dólar pode ser usado para analisar o mercado Forex. Isso é semelhante a como os investidores do mercado de ações usam os índices para determinar a direção geral dos mercados. O mercado Forex é altamente dependente das flutuações da moeda norte-americana, e você precisa entender isso se quiser usar uma análise fundamentalista como base para suas negociações.

Suponha que você negocie pares de moedas usando USD como uma delas (EUR/USD, GBP/USD, USD/CHF, etc.). Nesse caso, o Índice básico do dólar será um assistente indispensável para determinar a tendência, os níveis e o potencial de movimento.

Pode-se argumentar que o índice está altamente atrelado a esses pares de moedas. A correlação será positiva se o USD for a moeda base do ativo (a que vem primeiro no par). Abaixo, segue um exemplo de uma correlação positiva com USD/CAD e o índice da moeda dos EUA:

Se o USD for a moeda cotada (segunda no par), a correlação de tal ativo com o Índice básico do dólar será negativa. A maior correlação negativa é observada com EUR/USD, já que o peso do EUR no índice é de 57,6%, conforme ilustrado aqui:

Existem dois métodos principais para negociar com o Índice do dólar americano. Vamos analisá-los usando o exemplo de negociação com o par EUR/USD:

Método 1. De vez em quando, o movimento do índice antecipa os movimentos dos principais pares de moedas. O Índice básico do dólar pode romper um forte nível de suporte ou resistência ou simplesmente iniciar um movimento forte.

Se um movimento semelhante não for observado no par EUR/USD, então há uma probabilidade razoavelmente alta de que ele comece em breve (na direção oposta). Você pode negociar com o par EUR/USD em atraso usando a ferramenta FTT, analisando o gráfico em um período de pelo menos 1 hora.

Método 2. A principal estratégia para negociar com o Índice básico do dólar é identificar as linhas de tendência e os níveis de suporte e resistência. Você deve abrir posições para um aumento no par EUR/USD:

  • Quando o Índice básico do dólar está em uma tendência de baixa e toca a linha de tendência.
  • Quando o índice está perto de um nível de resistência forte e os pré-requisitos para uma reversão são visíveis , como a formações de candles ou leituras de indicadores de reversão.

As posições vendidas em EUR/USD devem ser abertas:

  • Quando o índice está em tendência de alta e toca a linha de tendência.
  • Quando o Índice básico do dólar está perto de um nível de suporte forte e os pré-requisitos para uma reversão são visíveis, como a formações de candles ou leituras de indicadores de reversão.

Você precisará analisar gráficos para encontrar pontos de entrada em períodos grandes a partir de 4 horas. O período preferencial é de 1 dia, por isso é melhor negociar usando o modo Forex em vez de FTT.

A coisa mais importante a lembrar é que o Índice básico do dólar é principalmente um indicador macroeconômico. Ele é usado para avaliar o estado global do dólar dos EUA para períodos mais elevados e é frequentemente usado como um complemento para outras análises fundamentalistas.

Related posts
Psicologia

Bomba-relógio

Pessoas perfeitas que controlam completamente suas emoções não existem. E certamente não há traders perfeitos. Os riscos financeiros da negociação nos levam constantemente a extrem...
Análise Técnica

O indicador “Média Móvel”

Média Móvel (MA) é um indicador de tendência na análise técnica, no qual muitas estratégias são baseadas. É uma linha no gráfico, que mostra o valor médio de um ativo durante um pe...